Sexta, 01 Março 2019 00:00

Mercado de Feiras e Eventos se reúne na ESFE 2019

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

ESFE Abertura1

O mercado de feiras se reuniu na última edição da ESFE (Encontro do Setor de Feiras e Eventos), realizado em 26 de fevereiro de 2019, no Jockey Club de São Paulo, com o objetivo de debater o setor, divulgar as tendências e fomentar o networking entre promotores de eventos, centros de convenções, empresas expositoras e toda a rede de fornecedores do segmento. O evento é organizado pelo Grupo Radar & TV.


Durante o dia, ocorreram "talks" e rodadas de negócios. Ao final, foi realizada a Cerimôniade Homenagens, que reconheceu os profissionais de destaque do setor.

 

Destaques:

 Antonio Manuel Brito, da New Events, abordou o papel atual do vendedor de feiras, devendo estar atento às mudanças do mercado, uma vez que os expositores estão mais preocupados com a proposta de valor que o evento trará às suas marcas.

  

Exemplo disso foi o talk de Paulo Takeuchi, Institutional Relations Executive Advisor da Honda, expositor de destaque do Salão do Automóvel e do Salão Duas Rodas, reforçando o conceito de Feira Setorial como Ferramenta para Negócios. A Honda participa de feiras para vender suas marcas como diferencial no que tange à tecnologia, inovação e criatividade. O foco está em valorizar o fator humano, proporcionando experiência. Takeuchi compartilhou um importante dado sobre a verba do marketing da empresa: segundo ele, o montante é dividido em 50% para feiras e ações de marketing presencial e outros 50% para marketing digital.

  

Quanto ao fator humano, um dos principais temas nas empresas atualmente, Alinne Rosa - Diretora de RH da Reed Exhibitions Alcantara Machado - falou sobre Gestão de Pessoas, e deixou a importante mensagem: "ao invés de reter talentos, as empresas devem se preocupar em engajar suas equipes, afinal, o que move as pessoas é definir e seguir seus propósitos."

 

 E o propósito de todo profissional de eventos, em particular de feiras, é promover uma atividade altamente rentável, dinâmica, com retorno às marcas, mas também proporcionar às equipes, um trabalho divertido, motivador e, por que não dizer, um trabalho com espírito de companheirismo, apesar da alta competitividade que existe entre os promotores. Foi neste sentido que Mônica Araújo, diretora da M&T Expo 2018 - feira promovida pela Messe Muenchen do Brasil -, contou, na época, com o apoio de Leandro Lara - Diretor da Reed Exhibitions Alcantara Machado, na logística da montagem da feira, a qual ocorreu na sequência do Salão do Automóvel. Esta experiência de compartilhamento de recursos foi contada durante o ESFE por ambos profissionais. Uma experiência e tanto para ambas as empresas, pois a importante e grandiosa feira do setor da construção civil teve sua data de realização adiada em função da greve dos caminhoneiros ocorrida no mesmo período ao qual a feira seria realizada no início de 2018.

 

Apesar da participação em feiras se tratar de uma estratégia de marketing presencial e promocional, ela conta muito com as diferentes ferramentas do marketing digital. Esta foi a abordagem de Cristiane Prado - Diretora de Desenvolvimento Digital e Comunicação da Reed Exhibitions Alcântara Machado - em sua palestra sobre Digitalização. Ela expõe as ferramentas digitais para promoção de feiras e relacionamento com clientes: sites, campanhas de e-mail marketing, mídias sociais, aplicativos . A novidade está na introdução dos "chatbots" para facilitar a conversa com o internauta de forma humanizada, por exemplo, e contar com diferentes soluções digitais para melhorar a jornada de experiências do visitante, dos que assistem palestras, dos que expõem ou patrocinam um evento, etc.

 Ainda sobre o tema, Araceli Silveira, vice-presidente de Marketing da Informa Exhibitions no Brasil, apresentou cases de sucesso com a estratégia de "content marketing" para atrair visitantes qualificados aos sites das feiras, entregando um conteúdo altamente direcionado ao público, a fim de torná-lo leitor e de fornecer seus dados, tornando-se assim um novo lead para ser trabalhado pela equipe comercial.

 

O último destaque do evento ficou por conta da gerente regional da UFI (Associação Global para a Indústria de Exposições) para América Latina, Ana Maria Arango, que apresentou várias estatísticas do setor, principalmente o informe Barometer, emitido há anos pela entidade. Em sua última edição, o informativo aponta que maioria das empresas expositoras das quatro regiões do mundo registrou um aumento do Volume de Negócios Bruto. O relatório também aponta uma boa correspondência entre a visão da indústria de exposições e a de visitantes de feiras - expressa nos recentes Global Visitor Insights, produzidos pela UFI e Explori - quanto à necessidade de desenvolver o componente 'entretenimento' das exposições. Meta, aliás, seguida por vários promotores de feiras no Brasil.

 


O evento foi uma oportunidade para os profissionais de feiras e eventos pensarem estrategicamente no setor como meio de geração de negócios entre as empresas, seguindo como palavras de ordem: ser intermediário – digital – eficiente ao menor custo.

 

Reportagem por Eliane Bastos, editora do portal Feiras Industriais.

Ler 15471 vezes Última modificação em Quarta, 06 Março 2019 13:16

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Promoção Ello Consultores

Especialista em Marketing Industrial
www.elloconsultores.com.br
Ello Consultores logo

Assine nossa Newsletter

Top